Por Renata Leal

Na semana passada, falei aqui sobre pensar duas vezes antes de investir na compra daquela blusinha que fica na moda por uma estação e depois cai no esquecimento por um bom tempo. Pois hoje a ideia é falarmos mais sobre como aproveitar bons preços para adiantar a compra de produtos, tanto para você quanto para presentear.

Quem não quer comprar algo por preços mais baixos, com um desconto de 30%, 40%? Para isso, é importante estar preparada para adiantar algumas compras. Então a primeira dica aqui é reservar algum dinheiro no seu orçamento mensal para essas compras antecipadas. O que isso significa na prática? Eu gosto de presentear algumas pessoas em datas especiais. Aniversário, Natal, dia das mães e dos pais… Com o Natal, eu comecei a adiantar compras com a Black Friday. Conversando com a minha cunhada, Isabela, descobri que ela também antecipa a aquisição de presentes para os aniversários – já adotei o bom hábito!

Dependendo do presente, é possível comprar antes e guardar para entregar na data. Não dá para fazer isso com presentes que precisam contar com a possibilidade de troca, mas sempre é possível com aquelas lembranças meio curingas que você vai dar a algumas pessoas. Nesse caso, atenção às datas de validade ao comprar.

Durante todo o mês de novembro, com o que o comércio passou a chamar de “o mês da Black Friday”, lojas virtuais das grandes redes de produtos de beleza, por exemplo, oferecem descontos generosos em suas principais linhas de banho, maquiagem, cremes… E também há bons descontos em outros produtos, como livros (aproveite as feirinhas de livros!). É neles que eu costumo investir para as lembranças de final de ano. Para os aniversários, fico de olho também em boas bijuterias, pequenas joias. Há mais ou menos um mês fui a um outlet – outro bom lugar para encontrar oportunidades – e vi bijuterias legais de uma boa marca. Não comprei na hora e acabei me arrependendo.

Também é interessante aproveitar oportunidades para comprar produtos para a casa. Minha família tem o hábito de ir a um “atacarejo” de tempos em tempos. Assim, compramos produtos de limpeza, higiene, bebidas e até comida mesmo por preços mais em conta do que nos supermercados de bairro. Aqui, os produtos com validade praticamente indeterminada podem ser o seu foco: papel higiênico, detergente, sabão para lavar roupas, amaciante, creme dental, desodorante e por aí vai. Entendo que nem todo mundo gosta dos mercados grandes, mas sem dúvida os preços compensam. Vale redobrar a atenção com as datas de validade ao comprar vários produtos iguais e ter a certeza de que você vai consumir aquela quantidade até a data.

Por último, atenção também aos balcões de produtos próximos do vencimento nos supermercados e às promoções de padarias. Eu sempre olho as geladeiras de iogurtes, por exemplo. Acabo comprando algo bom, mas que está para vencer, para consumir no mesmo dia ou no dia seguinte – e ainda economizo!

Leia mais:

Vai comprar aquela blusinha? Que tal esperar amanhã?

Cuidado ao emprestar dinheiro

3 destinos para o saque do seu FGTS

A árvore do seu dinheiro

Não sei por onde começar a guardar dinheiro

“Investir não é para mim. Investir é para os ricos”

Como começar a investir

Como organizar seu orçamento: a regra do 50-30-20

Quanto custam os seus sonhos?

Educação financeira começa na infância – para meninas e meninos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *